Passeios
Beber na Vinícola
Beber em casa

Porque os mesmos vinhos de países diferentes são... diferentes?

Porque os mesmos vinhos de países diferentes são... diferentes?

Jun 2, 2021

Jun 2, 2021

Última edição Jul 30, 2021

Última edição Jul 30, 2021

Criado por

Henrique Kochenborger

A Pietra é a mais jovem aqui do time Wine Locals e começou a beber (vinho) há pouco tempo. Naturalmente, hora ou outra alguma dúvida aparece. Responder as dúvidas da Pietra aqui é a oportunidade de responder também mais pessoas que podem ter as mesmas dúvidas. A parte boa é que nós adoramos falar sobre vinho - dentro do que conhecemos como bebedores, não como enólogos ou sommerliers Considere esse post exatamente isso, uma boa conversa entre pessoas que gostam de beber vinho e conversar a respeito.

O Merlot da Serra Gaúcha é o mesmo Merlot, digamos, da França?

Não, não é, mas vamos elaborar melhor essa resposta.

As dúvidas da Pietra tem ficado cada vez mais interessantes com o passar do tempo. Já falamos aqui de bag in box, fizemos um giro por espumantes, pelos Vinhos Verdes, rosés, taninos... E cá estamos hoje, vamos falar sobre algo que muito se ouve em qualquer conversa sobre vinho: TERROIR.

A Pietra não entende nada de vinho - Episódio 13: porque os mesmos vinhos de países diferentes são... diferentes?

Pietra, vamos partir do preceito de que você já entendeu que modos de produção são diversos e que as vinícolas produzem várias linhas de vinhos, com várias faixas de valor.

Assim, vamos dar início a essa conversa tentando explicar de um jeito simples o que é terroir - e atenção ao tentando. Quando percebemos diferenças entre vinhos da mesma uva produzidos em lugares distintos, entender o significado de terroir o melhor fio condutor para analisar os porquês dessas diferenças.

O termo terroir vem do francês e não tem uma tradução para a língua portuguesa. Ele define a relação entre o solo, o microclima de uma região e o fator humano, o conhecimento e as técnicas usadas por quem produz, da qual se originam produtos que expressam características dessa relação.

No caso dos vinhos, o terroir de onde eles são produzidos é um fator diretamente responsável pelas características deles. Os diversos métodos de plantio, colheita e processamento das uvas. Solos mais secos, mais úmidos, mais rochosos ou menos; clima mais frio, chuvoso, seco, quente; o relevo e a relação com a altitude e a distância do mar, etc. Todas essas são características que, juntas, levam o nome de terroir, e atuam nas uvas que são colhidas e nos vinhos que são produzidos.

Dessa forma, qualquer diferença de região vai trazer características diferentes, não necessariamente países - o que quero dizer é: não precisa andar tanto entre dois Cabernet Sauvignon para perceber a diferença entre eles. O Cabernet Sauvignon da Serra Gaúcha já vai ser diferente do Cabernet Sauvignon da Campanha. Não é incrível? É bem incrível, né? Dá vontade de começar a degustar todos pra ir conhecendo as diferenças.

Acho que essa explicação ficou ótima, deu para entender de boas. Então vamos complicar.

Complementando o terroir, o conceito de tipicidade explica características que se espera de um vinho a partir de uma comparação. É uma palavrinha da moda, boa pra largar numa mesa cheia de gente entendida do vinho, manda um "...acho que isso está muito ligado à tipicidade da região." e dá um gole de vinho só pra ver em silêncio alguns queixos caírem.

Apesar de parecer uma chatice, entender a tipicidade de um vinho está relacionado à degustar este vinho diversas vezes em lugares diferentes - não parece mais uma chatice, né?. A tipicidade é um conjunto de características que se manifestam no vinho e, de alguma forma, criando algo típico daquela uva ou daquela região. Um Pinot Noir brasileiro, um francês e um da Nova Zelândia serão diferentes entre si, cada um deles com características típicas. Tipicidade. :D

Novidades

Upgrade de primavera: Temos um brinde para você!

Por Ariela Bento


Quer mais dicas?

Deixe seu e-mail aqui que te enviamos varias dicas e sugestões para viver o que há de melhor no mundo do vinho!

Nome

E-mail

Outras dicas relacionadas a essa

Gostou? Aqui temos mais dicas e listas parecidas com essa para você.

Vinícola Casa Valduga: o que fazer quando o Tour tradicional está lotado?

Roteiros de Viagem Wine Locals: Pinto Bandeira para Wine Lovers

O Garibaldi Gastrô 2021 vai espalhar Aromas por onde passar!

Novidades em passeios em vinícolas recém chegadas no Wine Locals

Roteiros de Viagem Wine Locals: Pinto Bandeira pela primeira vez

5 vinhos com rótulos dignos de Pinterest

Roteiros de Viagem Wine Locals: Garibaldi fora do óbvio

Roteiros de Viagem Wine Locals: Vale dos Vinhedos para fugir do óbvio

Quer mais dicas?

Deixe seu e-mail aqui que te enviamos varias dicas e sugestões para viver o que há de melhor no mundo do vinho!

Nome

E-mail

Links úteis
Informações de Contato

Fale com a gente através do email: oi@wine-locals.com

Parceiros oficiais:
Apoio:

© 2021 Wine Locals, todos os direitos reservados