Passeios
Beber na Vinícola
Beber em casa

Muitos tintos na chegada do outono

Muitos tintos na chegada do outono

Apr 1, 2021

Apr 1, 2021

Última edição Apr 1, 2021

Última edição Apr 1, 2021

Criado por

Henrique Kochenborger

Se você já conhece o Achados e Bebidos, chegou aqui interessado nas várias dicas de vinhos que achamos e bebemos ao longo do mês.

Se você não conhece, a gente explica: no Achados e Bebidos a equipe Wine Locals concentra os vinhos mais fora da rota que bebemos nas vinícolas, nas cidades e também em casa. Eles vão direto para o Instagram (segue o Wine Locals no Instagram aqui) e no final do mês aparecem todos juntos aqui no site.

Se quiser conferir o que achamos e bebemos nos meses anteriores, aqui estão eles: Janeiro Fevereiro

Foram 23 vinhos no mês de março. Além de aumentar o desejo pelos tintos com a chegada do outono, tivemos aqui:

E apareceram também alguns mais incomuns - que a gente adora.

Então vamos lá: Achados e Bebidos - Março/2021.

Vinhos para viajar mundo afora

Vinícola Barcarolla Rebo

A Serra Gaúcha é realmente um oceano sem fim de achados, né? No meio do Vale dos Vinhedos encontramos esse casarão antigo super charmoso, que é a Vinícola Barcarola, especializada em castas italianas não tão conhecidas no Brasil. O achado de hoje é esse ótimo Rebo, uma uva típica do norte da Itália.

  • Achados e Bebidos 45/365

Riporta Primitivo di Manduria

Tem dias que a vontade por um vinho italiano é mais forte, então o escolhido da vez foi um Primitivo di Mandura, da Riporta. Fácil de beber, encorpado e com acidez na medida certa. Por aqui juntamos a dupla: pasta e vinho. Delicioso demais! Não sei se vocês perceberam mas a gente anda mandando bem nos vinhos com rótulos surpreendentes. Esse chama a atenção pelas cores e pelos detalhes incríveis em dourado.

  • Achados e Bebidos 57/365

Fattoria Lavacchio Puro

Hoje o Achados e Bebidos vai ser um tinto muito especial que bebemos lá no Dionisia Vinhobar! Esse vinho é feito com uvas 100% Sangiovese, típica da Itália, da Fattoria Lavacchio Winery. O mais legal desse vinho é que ele é totalmente natural, ou seja, sem adição de sulfitos, leveduras e taninos. Super equilibrado, fácil de beber e aromático. Nos surpreendeu demais, é um vinho que combina perfeitamente com qualquer alimento, vale muito a pena ter uma garrafa dessas em casa!

  • Achados e Bebidos 59/365

Bodegas Etchart Torrontés

O Achados e Bebidos de hoje é um vinho branco, feito com a uva Torrontés, da Bodegas Etchart. Super frutado, equilibrado e uma delícia geladinho, ideal para dias quentes. Um maravilhoso vinho argentino! A garrafa também chama atenção, por ter um formato bem diferente das que estamos acostumados. Bem bonita.

  • Achados e Bebidos 61/365

BIS Encostas de Estremoz

Hoje bateu aquela vontade de beber um vinho mais refrescante, por conta desse calorzinho que tem feito, então decidimos abrir um para fechar o domingo com chave de ouro! Esse aí da foto é um vinho português lá da Região do Alentejo, feito com um corte das uvas Fernão Pires, Arinto e Síria, da Encostas de Estremoz. Um vinho agradável, muito aromático e fácil de beber. Difícil não querer beber toda a garrafa!

  • Achados e Bebidos 48/365

Tintos da Serra Gaúcha

Casa Fontanari Quasímodo

Sabe aquele sentimento de arriscar comprar o vinho sem saber nada sobre ele? Foi nessa pegada de tiro no escuro que comprei o Quasímodo, um corte de Cabernet Franc, Merlot e Ancelotta da Vinícola Casa Fontanari. E digo que foi uma bela surpresa. Vinho intenso, com boa acidez e que passa 12 meses em barrica.

  • Achados e Bebidos 46/365

Casa Fontanari Ancelotta

Chegou o domingo e nada mais justo abrir um bom vinho junto de uma comida gostosa. E o que combina com domingo? Churrasco! Por aqui abrimos um vinho tinto feito com a uva Ancellotta, da Vinícola Casa Fontanari. Um vinho intenso, encorpado, mas super agradável em boca. Para quem não conhece essa uva, ela é bastante utilizada para dar mais cor à outros vinhos tintos mais pálidos, por conta da sua pigmentação ser bem forte e intensa.

  • Achados e Bebidos 66/365

Familia Bebber Bah

Segunda feira começou já com tudo e a gente decidiu trazer esse vinho da Família Bebber para vocês conhecerem. Ele é um corte de 2 uvas maravilhosas: Tannat e Touriga Nacional. Um vinho encorpado, equilibrado e muito agradável em boca! Gente, e esse rótulo? Sem palavras para a ilustração!

  • Achados e Bebidos 67/365

Família Bebber Malbec

Hoje o escolhido foi um vinho tinto lá de Flores da Cunha, feito com uvas Malbec, da Família Bebber. Vinho muito elegante e frutado, uma surpresa maravilhosa por ter quase 4 anos (safra 2017), já era hora de abrir. Bem encorpado, boa acidez e muito agradável de beber. Quem disse que Malbec bom era só da Argentina ainda não bebeu esse!

  • Achados e Bebidos 50/365

Família Bebber Malbec

Hoje o escolhido foi um vinho tinto lá de Flores da Cunha, feito com uvas Malbec, da Família Bebber. Vinho muito elegante e frutado, uma surpresa maravilhosa por ter quase 4 anos (safra 2017), já era hora de abrir. Bem encorpado, boa acidez e muito agradável de beber. Quem disse que Malbec bom era só da Argentina ainda não bebeu esse!

  • Achados e Bebidos 50/365

Casa Marques Pereira Quinta da Orada

Final de semana chegando, friozinho aparecendo aos poucos por aqui, tá bom ir de tinto, né? O Achados e Bebidos de hoje é esse corte de Tannat, Cabernet Franc e Merlot, da Casa Marques Pereira. Vinho encorpado, aromático e bem agradável. Além de ser um vinho que a gente adorou demais beber, o rótulo dele é incrível, atrativo e cheio de elementos que transformam a experiência ainda mais agradável.

  • Achados e Bebidos 58/365

Quinta Don Bonifácio Habitat

Não é porque é segunda que não podemos caprichar. Esse Habitat foi feito com uvas Pinot Noir, vinho delicioso da Quinta Don Bonifácio, super leve e combina muito com esse calorzinho de fim de verão. E por aqui foi desse jeito, pizza e vinho... Tem combo melhor? Assim fica fácil gostar de segundas-feiras.

  • Achados e Bebidos 56/365

Brancos da Serra Gaúcha

Vallontano Chardonnay

Saudades de comer fora e de tomar um bom vinho pra acompanhar. Pra aumentar o desejo, resgatamos esse momento na Vallontano Risoteria Café com um belo risoto acompanhando esse achado que é o Chardonnay da Vallontano. Vinho fresco, sem madeira e muito fácil de tomar.

  • Achados e Bebidos 51/365

Almaúnica Riesling

Você sabe que dia é hoje? Hoje é o dia da Riesling! Para quem não sabe, essa uva é lá da Alemanha e há quem diga que é a melhor variedade para se fazer vinho branco. Seus vinhos são super aromáticos, complexos, pouco alcoólicos e refrescantes. O Achados e Bebidos de hoje decidiu homenagear esse dia com um lindo Riesling da Vinícila Almaúnica, lá do Vale dos Vinhedos. Já que o dia começou quente, que tal botar para gelar uma garrafa e aproveitar o sábado com um bom vinho?

  • Achados e Bebidos 54/365

Vinhos Bettú Peverella 2020

Vocês já sabem que por aqui a gente ama o Vinhos Bettú, né? Sério, é uma das experiências mais únicas e autênticas da nossa Serra Gaúcha. Eles trabalham com microvinificação, o que na prática significa que eles fazem muitos tipos diferente de vinhos, mas em pouca quantidade. Enquanto a gente não pode voltar lá e ouvir as histórias maravilhosas do seu Vilmar, aproveitamos esse incrível Peverella, 2020. Garrafa número 34 de um lote de apenas 130!

  • Achados e Bebidos 47/365

Vaccaro Chardonnay

Hoje trouxemos para vocês um vinho Chardonnay da Vaccari Vinhos e Espumantes. Perfeito para momentos como esse da foto, com um belo pôr do sol ao fundo, curtindo o fim de tarde. Vinho equilibrado e com uma leve passagem por carvalho. Além disso, foi premiado como o melhor vinho branco de Garibaldi em 2018.

  • Achados e Bebidos 60/365

Vinhos inusitados

Nessa categoria colocamos alguns vinhos que, mesmo sendo achados como todos os outros, trazem algo um pouco mais inusitado, como um Merlot do Vale dos Vinhedos, só que rosé; um corte de Chardonnay e Viognier, bem refrescante, da Campanha Gaúcha; e dois brancos de uvas pouco convencionais: Moscato de Alexandria e Malvasia de Cândia.

Pizzato Fausto Merlot Rosé

O vinho escolhido para essa sexta-feira foi esse rosé delicioso da Vinícola Pizzato, feito com uvas Merlot. Vinho super refrescante, frutado e com boa acidez. E não vamos esquecer desse rótulo incrível! Inclusive, todos da linha Fausto são. Quando provamos, na hora veio uma saudade dos dias na praia e uma vontade de botar os pés no mar. É o vinho perfeito para dias mais quentes!

  • Achados e Bebidos 53/365

Campos de Cima Aprochego Chardonnay

Domingo chegando ao fim e decidimos encerrar o dia abrindo esse vinho branco da Campos de Cima, que fica em Itaqui, lá na Campanha Gaúcha. Ele é um corte das uvas Chardonnay e Viognier, um vinho muito frutado, refrescante e tem uma acidez bem equilibrada. Uma boa pedida para esse entardecer. Ah! E não podemos deixar de comentar sobre o rótulo, super criativo e que nos chamou muito a atenção pelos seus detalhes. Adoramos demais!

  • Achados e Bebidos 55/365

Vinícola Cristófoli Moscato de Alexandria

Para começar a semana com o pé direito (e aproveitar esse calorzinho), escolhemos um vinho branco, lá de Bento Gonçalves. O eleito foi esse refrescante Moscato de Alexandria da Vinícola Cristofoli, que nos surpreendeu até o último gole. Vinho super frutado, leve e muito equilibrado. Além da gente, que adorou o vinho e o rótulo, parece que mais alguém ali no fundo ficou curiosa.

  • Achados e Bebidos 49/365

Arte da Vinha Under my skin

Vocês já beberam vinho natural? Eles geram muita polêmica no mundo dos vinhos, mas aqui a gente ama experimentar de tudo e fomos nesse rótulo provocante chamado “Under my Skin”, da Arte da Vinha. Ele é feito com a uva Malvasia de Cândia, lá em Pinheiro Machado. Esse vinho não passa por filtragem, por clarificação e não recebe nenhuma adição de açúcar. Um vinho intenso e inusitado!

  • Achados e Bebidos 68/365

Achados e Bebidos da Evino

No mês de março o Wine Locals colocamos no ar a Pipa, uma assistente digital para encontrar vinhos de um jeito muito fácil. Junto com a Evino, a Pipa te ajuda a escolher vinhos para o seu momento. Os achados abaixo foram todos dicas da Pipa!

Achados da Evino

Chegaram os primeiros vinhos que compramos com a dica da Pipa, então vamos fazer um Achados e Bebidos especial. Cada vinho desses foi uma consulta que fizemos na nossa assistente digital de vinhos, pensando em momentos diferentes, olha só:

  • Clos Galena Secrets de Mar Terra Alta D.O. 2017, para uma noite romântica
  • Cesari Jùsto Veneto Leggermente Appassite Rosso 2017, para presentear com um rótulo lindo
  • Cune Rioja Blanco DOCa 2019, para provar algo diferente
  • Villa Puccini Toscana Governo All'Uso Toscano 2017, para provar um vinho premiado

Achados e bebidos, 62, 63, 64 e 65/365

Achados e Bebidos - Março/2021

O jogo é simples: a nossa proposta é apresentar 365 dicas do que vamos conhecendo e escolhendo para beber nas vinícolas, para beber em bares e restaurantes pelas cidades em que andamos e também para beber em casa.

E o que são "achados"? São vinhos que a gente aqui vai encontrando e conhecendo pelo caminho. São os vinhos que estão um pouco fora das rotas mais óbvias, por assim dizer. São vinhos indicados por gente que a gente confia. E nem sempre tem indicação, às vezes a gente vai no escuro e dá sorte. São as descobertas de quem é muito curioso, vê um vinho e diz "Nunca nem ouvi falar desse aqui... taí, vou provar". São as dicas boas de quem não joga no campo seguro.

Quer mais dicas?

Deixe seu e-mail aqui que te enviamos varias dicas e sugestões para viver o que há de melhor no mundo do vinho!

Nome

E-mail

Quer mais dicas?

Deixe seu e-mail aqui que te enviamos varias dicas e sugestões para viver o que há de melhor no mundo do vinho!

Nome

E-mail

Links úteis
Informações de Contato

Fale com a gente através do email: oi@wine-locals.com

Parceiros oficiais:
Apoio:

© 2021 Wine Locals, todos os direitos reservados